terça-feira, 17 de março de 2009

A coisa mais importante, para Deus...

Gostaria que Me amasses e que Me amasses mais; e, para Me amares, terás que te aproximar de Mim; não deves estar longe de Mim. E, para te aproximares de Mim, deverás tornar-te íntima Comigo.

A coisa mais importante, para Deus, é que vos tomeis íntimos com Ele, porque vós sois todos Seus filhos. Conhecereis vós algum filho que esteja muito afastado do pai e que tenha medo do pai? Ele é íntimo com o pai. Connosco, acontece a mesma coisa, porque somos a Sua descendência, a Sua semente. E Ele é nosso Pai; portanto, temos que nos tornar íntimos com Ele. Sem nos tornarmos íntimos com Ele, jamais poderemos amá-Lo. Então, Deus disse-me:

- Eu gostaria que tu te tornasses, que vós vos tornásseis íntimos Comigo. E, no entanto, jamais se deverá esquecer que Eu sou Santo.

Estas duas coisas juntas: a intimidade e, depois, o respeito, a honra e o temor de Deus. O temor de Deus não quer dizer ter medo de Deus; é honrá-Lo, louvar Deus: isto é que é o temor de Deus. E Deus diz:

- Não deveis ter medo de Mim; tende medo, apenas se vos revoltardes contra Mim

1 comentário:

  1. Prezado, acabei de inserir seu blog no Guia de Blogs Católicos. Há um recurso interessante lá: voce pode fazer uma pesquisa Google apenas nos blogs católicos de língua portuguesa, cadastrados no Guia (são mais de 400!).

    Dê uma olhada no meu perfil e, se me der a honra, ficaria feliz de ver um link de algum dos meus blogs em seu site. Vamos avante!

    ResponderEliminar